Notícias

Casa Firjan apresenta palestra sobre ciência de dados como diferencial competitivo

O volume de informações que circula pela internet está possibilitando às empresas criarem soluções e inovações para alavancar seus negócios. É o que mostrou a palestra “Ciência de Dados como diferencial competitivo”, promovida pela Casa Firjan, em 27/11.

“Atualmente, nós geramos, em dois dias, a mesma quantidade de dados de 2013, impulsionados pela internet e o barateamento das tecnologias, como os smartphones e o wi-fi. Estamos deixando rastros na internet e as empresas entenderam que isso produz valor, não só para criar produtos e serviços, mas também para melhorar os processos internos e mudar a forma de tomar decisão”, disse Natália Gruber, cientista de dados da Cappra Data Sciense.

Nesse sentido, surge uma cultura embasada em métodos e na ciência, garantindo resultados mais confiáveis. “A cultura analítica transforma os dados em padrões (small data) para ser consumível e apoiar as decisões. O boom de dados diz exatamente o que os consumidores estão fazendo naquele momento. São opiniões, sentimentos, o que eles mais compram, com quais marcas se engajam; ou seja, é o entendimento do comportamento do público”, contou Natalia. Segundo ela, diferente do método tradicional de pesquisa, isso mostra o que o consumidor está fazendo naquele momento e não o que ele diz o que poderia fazer.

Aplicação dos dados na geração de negócios

A inovação orientada por dados pode resultar em diversos insights e oportunidades de negócios, bem como apoiar a comunicação da marca e o gerenciamento de crise. No entanto muitas empresas ainda não estão prontas para lidar com a gestão estratégica dos dados (data driven). “O meu caminho é capacitar a equipe. Pessoas multiplicam conhecimento dentro das empresas e isso é transformador. Elas ficam ligadas nos dados e isso se torna uma rotina”, contou Carlos Alberto Ferreira, supervisor executivo de Mídias Sociais da Rede Globo.

Os dados coletados por meio da Central de Atendimento ao Telespectador (CAT), mídias sociais e site têm permitido à equipe da Rede Globo inovar nas estratégias de interação com o público. “Tínhamos o desafio de acompanhar os 30 artistas mobilizadores da campanha Criança Esperança, então criamos um dashboard (painel) para monitorar o que eles compartilhavam. Organizamos os dados, hierarquizamos e eles próprios, que são talentos da casa, interagem, porque cada um tem milhões de seguidores”, explicou Ferreira.

Outro exemplo apresentado pela Cappra foi o Mapa do Esporte, desenvolvido junto à rede esportiva Centauro, para definir o mix ideal de produtos para cada loja. “Não queríamos olhar só os números de vendas, então mapeamos o que as pessoas falavam localmente e nacionalmente e a partir disso obtivemos insights de qual mix era adequado para cada loja”, apresentou Natália.

A Cappra contou ainda sobre a jornada de saúde criada para a rede de laboratórios Fleury, com o objetivo de definir o que poderia ser entregue a mais para os pacientes. “Fomos às redes sociais para entender o que as pessoas estavam falando, que exames elas dão mais valor, quais doenças mais preocupam, e cruzamos os dados com os produtos da Fleury para entregar uma melhor informação. Ninguém melhor do que o público para nos dizer o que é essencial para a saúde”, ressaltou a cientista.

Não perca a programação

As palestras são sempre às terças-feiras à noite, mediante inscrição pelo site da Casa Firjan. Alguns dos temas dos encontros foram mindfulness, competências de profissionais do futuro, crowdfunding, ética em tempos de Inteligência Artificial e FinTechs, entre outros. Pagam meia entrada: associados Firjan, moradores de Botafogo, estudantes, pessoas acima de 60 anos, jovens abaixo de 21 anos, professores e portadores de necessidades especiais com um acompanhante. Colaboradores da Firjan e alunos SESI e SENAI em curso têm gratuidade.

Fonte: Firjan

Assine nosso boletim e fique por dentro das notícias do setor

CONHEÇA OS BENEFÍCIOS EXCLUSIVOS PARA ASSOCIADOS

  • REPRESENTATIVIDADE

    Ações junto ao poder público nas esferas municipais, estaduais e federais que buscam garantem melhorias no ambiente de negócios, como uma redução de impostos e atrasos ainda mais uma atividade industrial fluminense e simplificação de mercado que impactam uma competitividade da indústria.

  • COMPETITIVIDADE

    Ações que buscam fortalecer como empresas e gerar oportunidades de negócios, além de programas que oferecem condições especiais na compra de produtos e na contratação de serviços de empresas parceiras.

  • PRODUTIVIDADE

    Uma série de produtos e serviços que ajudam empresas de todos os portes a se tornarem ainda mais produtivas. Soluções integradas para produzir mais por menos.

  • QUALIDADE DE VIDA

    Produtos e serviços voltados para o desenvolvimento de ambientes laborais mais seguros e saudáveis, além de assessoria e consultorias para a implementação de soluções em segurança do trabalho, cursos e treinamentos.